IDENTIDADE VISUAL por Denise Bittencourt/Organizadora de Eventos

Você lembra do tempo do monogramas? Pois bem, ficaram esquecidos por algum tempo, virou demodê, víamos apenas em filmes de época. E agora? Agora é moda, voltaram com força total, mas repaginados e com novas funções e vários estilos.
Muitos casais optam pela criação de um ‘logotipo exclusivo’ para a papelaria e demais impressos do seu casamento. E isso agora tem um nome, Identidade Visual ou IV, há empresas especializadas na criação do ‘desenho’ que irá identificar os noivos, há quem tenha conhecimento em programas de designer de computador, ou alguma aptidão manual para desenho e se aventuram a criar a sua própria identidade visual.
DICAS PARA A ESCOLHA DA IV IDEAL PARA O CASAL
1 – primeiro defina o estilo do casamento, se será clássico ou moderno
2 – selecione a paleta de cores da decoração, a IV será um dos itens que devem fazer composição com o restante. De preferência para as cores mais escuras, para o desenho ter destaque sobre aplicação de peças claras, tais como papelaria de convite
3 – procure para a criação fornecedor idôneo e que tenha portfólio para lhe mostrar, como todos os demais serviços do seu casamento. Com certeza a sua/seu organizador terá uma boa indicação
4 –  busque na internet modelos que lhe agradem para servir de base e inspiração para a criação da sua IV, e mostre para a pessoa contratada, para que ela tenha um direcionamento na criação, e possa agilizar o processo
5 – você deve definir se prefere iniciais ou o nome completo de ambos, mas lembre-se que se o nome for grande ou composto, melhor será optar pelas iniciais
6 – antes da definição do logo, pense nas peças em que ele será aplicado, para ver a proporção de tamanho
7 – pense na forma que mais vai lhe agradar, quadrado, retangular, esférico, retilíneo (estilo assinatura)
8 – escolha algo atemporal, já pensando que poderá ser usado após o casamento, em aplicação de peças da casa do casal, tais como toalhas, lençóis, guardanapos, louça, cartões de agradecimento, entre outras
9 – o desenho deve ser legível e de fácil ‘leitura’/entendimento
10 – cuidar com o tamanho e espessura dos traços, evitar muitos e pequenos detalhes , assim como muitas cores e formas juntas, pois isso pode encarecer as impressões, e dificultar algumas, tais como bordados ou serigrafia, podendo tornar inclusive peças sem vantagem de aplicação em função de alto custo
11 – símbolos e desenhos podem ser inseridos no contexto, desde que tenham sentido ou significado para o casal, tais como símbolo do infinito, flores, arabescos, formas estilizadas. Não use nada apenas por modismo, só insira o que contar a sua história
12 – cuidado com o excesso de peças aplicadas, para evitar poluição visual, e gastos desnecessários
13– escolha algumas das peças que podem ser aplicados o logo, tais como; Save The Date, convites de padrinhos, convites, numeração de mesa, cardápios, roupão da noiva, lembrancinhas, chinelos, kit lavabo, pista de dança, plaquinhas divertidas, tags de bem casados, iluminação, moldura de foto lembrança, capa de álbum de fotos
Acredito que seguindo estas dicas você terá um lindo ‘logo’ para ajudar a contar a história do seu amor e padronizar os impressos de forma atual e adequada. Mostrando para seus convidados a atenção a carinho que você dedicou na elaboração da sua festa.

 

Denise Bittencourt  – Organizadora de Eventos

Deixe uma resposta